“Indústria japonesa é um zumbi”

22:56:00 0 Comments




Keita Takahashi, um dos produtores de jogos mais populares do Japão, criador de Katamary Damacy e de Noby Noby Boy, disse que a indústria nipônica de games é um zumbi que precisa morrer de vez.



 O produtor usou palavras fortes para concordar com o que Keiji Inafune havia dito, pouco antes de abandonar a Capcom

“Acho que a indústria japonesa é como um zumbi. Não sabemos o que fazer até que sejamos enterrados de vez, e só então aí poderemos começar a ver onde estão as coisas que não funcionaram”, disse ele em entrevista à revista GamesTM.

“Quando começamos a afundar, surgem tecnologias novas, como o PlayStation Move, e as coisas animam-se um pouco. Nunca chegamos a tocar no fundo do poço e, por isso, somos como um zombi que nunca morre. Precisamos de uma injeção de vida”, afirmou ele.

Depois dessa verdadeira “porrada” na industria local, o produtor tentou achar os motivos para o cenário que ele descreveu. “Acho que no Japão existe uma grande fixação por sequências. Estamos fazendo alguns poucos jogos originais, mas para mim esse é o principal motivo para a industria japonesa estar tão mal”, concluiu.

Takashi deixou a Namco Bandai para fundar a sua própria companhia em parceria com a sua esposa.

Leonardo Soler

Retrogamer nas horas vagas. Mantém o Game Genius desde 2010 onde a internet ainda não tinha nem luz eletrica. Fã dos Power Rangers (até o PR no espaço). E é complicado o que é melhor, Final Fantasy VI ou Chrono Trigger. Google