Sony estuda a possibilidade de cobrar por total acesso de conteúdo em jogos usados

00:36:00 2 Comments



A Sony parece ter aprovado o novo método de serviço on-line utilizado pela Electronic Arts  e THQ. Aparentemente, a Sony irá aplicar em seus lançamentos também.
Andrew House, presidente da Sony da Europa, disse que a Sony está pensando seriamente numa solução semelhante para seus jogos "first party".
"Partindo do princípio de fazer partes on-line do jogo ou bloqueadas no disco serem liberadas através de uma taxa", disse House na entrevista. "E nós exploraremos a mesma opção para nossos produtos."
O conceito foi lançado pela EA com seu projeto "10 dólares", e foi assimilado por outras editoras como a Ubisoft e a THQ, essa última já o incorporou em "UFC Undisputed 2010".
A Sony só ainda não está interessada em cobrar o acesso a partidas on-line.
Mas nada impede que num jogo como "SOCOM 4" a Sony venha a cobrar um taxa para liberar o modo on-line aos gamers que adquirirem uma versão usada do game.

Leonardo Soler

Retrogamer nas horas vagas. Mantém o Game Genius desde 2010 onde a internet ainda não tinha nem luz eletrica. Fã dos Power Rangers (até o PR no espaço). E é complicado o que é melhor, Final Fantasy VI ou Chrono Trigger. Google