Quatro esportes, um DVD - Apesar da barriga, Mario faz parte da geração-saúde

18:51:00 0 Comments



Produtora: Nintendo | Desenvolvedora: Square Enix
Editora: Nintendo | Lançamento: 2011
por Luis Andion
Os jogos esportivos do nosso gorducho italiano favorito costumam trazer diversão de maneira simples e intuitiva, mas a impressão de serem caça-níqueis que usam o mascote para revigorar a economia nintendística estraga parte da experiência. Dance Dance Revolution: Mario que o diga. Para nos salvar desta verdadeira maldição, algum executivo da Big N teve a brilhante ideia de fundir os próximos spin-offs atléticos em um só DVD, batizado de Mario Sports Mix.

São quatro esportes independentes, com jogabilidades totalmente diferentes. Vamos por partes:

BASQUETE
É a segunda vez que Mario se aventura nos garrafões, então já podemos ter uma ideia do que esperar. A mecânica é a mais pausada e estratégica do pacote: não só devemos nos preocupar em passar pela defesa adversária sem perder a bola, mas também com os itens malucos que pulam e explodem pelos quatro cantos da quadra. Enterradas e arremessos especiais valem mais pontos, mas abrem uma janela gigante para um contra-ataque - um verdadeiro jogo de xadrez com bolas e dinossauros.


HOCKEY
Seja lá o esporte que a turma de Mario resolver enfrentar, já podemos contar com sua típica desonestidade e violência à la Looney Tunes. O que torna o hockey uma escolha perfeita. Shy Guys fazem o papel de goleiros controlados pelo computador para ambos os times, só precisamos nos preocupar em atacar violentamente enquanto os coitados se viram para tomar conta da defesa.

VÔLEI
Aqui não são só os itens espalhados pelo cenário que causam problemas: a própria  quadra é repleta de armadilhas que atrasam e confundem os jogadores, como a da floresta, onde cada lado se move constantemente para direções opostas. Para rebater a bola... bem, você terá um WiiMote em mãos. É só agir instintivamente!

DODGEBALL
Quem nunca jogou queimada na sexta série agora poderá recuperar este pedaço perdido de sua infância sem passar vergonha. Podem haver mais variações no produto final, mas a apresentada até agora é bem similar à nossa queimada tradicional: quatro participantes e uma bola que deve ser arremeçada no nariz (ou focinho) dos oponentes. A diferença é que no ginásio não podíamos arremeçar bob-ombs nos nossos amiguinhos.

A primeira vista, já dá para perceber que não se tratam de minigames, mas títulos completos que se equilibram na tenue linha que agrada os casuais pela interface amigável, mas também os hardcores por apresentarem profundidade suficiente para criar disputas interessantes.
Basta torcer que os próximos Marios Golf, Tennis, Baseball e Soccer sigam o mesmo modelo e investiremos nosso dinheirinho no encanador com muito mais satisfação.

Fonte: EGW

Leonardo Soler

Retrogamer nas horas vagas. Mantém o Game Genius desde 2010 onde a internet ainda não tinha nem luz eletrica. Fã dos Power Rangers (até o PR no espaço). E é complicado o que é melhor, Final Fantasy VI ou Chrono Trigger. Google